Sobre a AIO

Home Sobre a AIO

História e Missão da Associação Independente de Osteopatas

A ​Associação Independente de Osteopatas surgiu como uma continuidade natural daquele que foi o espírito de grupo dos Osteopatas que organizaram a manifestação  “pela isenção do IVA nas TNC” a de 1 de Junho de 2016 e que se tornou histórica porque 6 meses mais tarde essa luta viria a ser ganha e justiça reposta na tributação aos serviços de saúde por Osteopatas.

Com a vontade de união profissional e do ainda recente sabor de vitória de um trabalho de equipa, expandiu-se o desejo de continuar a lutar pela Osteopatia na defesa dos interesses dos profissionais e estudantes, mas também pelo progresso, evolução e sedimentação desta profissão no panorama nacional. 

A AIO surge no início de 2017 acompanhando a mudança de paradigma recente com a abertura de licenciaturas em Osteopatia, um claro aumento da expressão da profissão na sociedade Portuguesa e uma crescente investigação científica, para a Osteopatia, em Portugal.

Esta associação define-se pelos interesses dos profissionais e estudantes de Osteopatia e claro, também do público que recorre a esta Medicina aliada da convencional. A AIO revê-se em uma uma classe unida no seu propósito, sempre com a ambição de também poder contribuir para o desenvolvimento contínuo e regalias profissionais, delineando estratégias, estabelecendo parcerias e participando na Osteopatia que queremos no futuro.

Os corpos sociais são compostos por Osteopatas com um passado académico em Osteopatia que passa pelo ensino Português, Inglês e Espanhol. Para além de Osteopatas alguns dos membros são também Enfermeiros, Fisioterapeutas e outras varias profissões. ​Temos, nos nossos órgãos sociais, membros que representam a expressão da profissão em todo o país, do Minho ao Algarve.

Contamos com elementos que estão ligados ao ensino pré-graduado nas licenciaturas de Osteopatia, a fazer doutoramento e a participar em investigação científica para enriquecer a profissão. A AIO assume-se independente, sem nenhuma filiação com instituições de ensino ou qualquer compromisso que possa representar um conflito de interesses. A riqueza da AIO é a sua pluralidade, a sua independência e experiência académica e profissional dos corpos sociais.

Organograma